domingo, 19 de abril de 2009

Várias partes de mim


Sinto uma força dentro de mim, é desconhecida, enorme e esmagadora.
Eu pensei ter conhecido o outro lado desta porta.
Por tantos anos me enganei e me torturei.
Eu quero mudar e só essa força poderá me dar razão.
As sombras do passado costumavam andar comigo, eu as deixei livres.
Até mesmo elas sabem que preciso percorrer esse caminho, custe o que custar.
Dentre vários desejos mundanos vocês me atormentaram.
Ou seriam alertas?
Espero que enfim nossa parceria tenha chegado ao fim, você sabe, é preciso.
Amor, dor, esperança, ira, cobiça, são todos frutos de momentos.
Viva a vida, intensa e serenamente,ame a todos mas não esqueça, a pessoa que ama é
você.
O pessimismo só te traz amarguras, para mim trouxe experiências, mas não recomendo
tentar.
Vai, deixa o vento vir e carregar esses problemas.
O sol queima incessante mas ele também descongela as belas flores do rio.
Aqui reúno pensamentos que constituíram por muito tempo esse ser que vos escreve.
E sei que eles sempre estarão comigo, um para cada momento.
Pobre de mim, ser que clama por um complemento, sem saber que já o tem.
Já estava tudo traçado.
Só espero um dia poder encontrar.

Uadi

Um comentário:

thamires disse...

Aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah!
valeu pelo 'incentivo'
aushaushuahsuausas...
Eh neeeh, as lições do passado são valiosas ^^
Mas não gosto de viver nele ¬¬
Desse texto pra frente, me esforçarei pra só fazer meu presente e sonhar com o futuro =]
a propósito, o seu tbm tá muito bom.
Esquenta não, q a gente acaba sempre encontrando ;)