terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

O segredo de Danna


Ela queria fugir de suas verdades.
Propagar seu vôo a novos horizontes.
Queria me perder num bosque de primaveras e outonos contigo.
Você me diz que cansou de sonhar e agora quer viver.
Não permitas que engaiolem teus sonhos.
Sussurra pra mim o teu segredo.
Caminha sem medo entre as árvores desta tenebrosa floresta.
Corre feroz como o livre lobo.
Teu âmago me expôe mil faces, e cada uma delas quero conhecer.
Sussurra pra mim teu segredo.
Sussurra...
Doce Danna.


Uadi


Um comentário:

Danna - A Escapista... disse...

Todos nós temos muitas faces,assim como eu tenho, tu também tens, as minhas podem ser mais aparentes, mas não quer dizer que sejam melhores ou maiores que as suas, só menos escondidas. Obrigada!
*.*